Tags

Episódio 273

No inicio do episodio podemos rever o encontro entre o trio Ino-Shika-Cho e Kakuzu.
Numa tentativa de vencer este inimigo, Izumo e Kotetsu fazem um ataque surpresa, que infelizmente não teve bons resultados. Serviu apenas para empatar um pouco o reencontro entre as quatro personagens e deixar Shikaku contactar com o trio de Konoha para lhes deixar instruções.

Antes que o combate possa começar, somos levados numa viagem ao passado. Iremos ver alguns momentos do treino da “team 10” e iremos recordar as palavras de Azuma antes de morrer. Todos estes momentos, intervalados por viagens entre o passado e o presente que nos mostram aquilo que se passa no campo de batalha, servem para salientar a bondade e a gentileza de Choji. Este é incapaz de magoar os seus companheiros física ou psicologicamente, independentemente das circunstancias. Por se preocupar desta forma com os seus companheiros, Azuma diz que ele se tornará um ninja mais forte do que qualquer outro.

O combate entre Kakuzu e o trio de Konoha torna-se secundário, visto que ninguem consegue parar Azuma à medida que este avança no campo de batalha. Todas as esperanças de o travar são depositadas nos tres jovens ninjas.
Algures na zona costeira podemos ver o pai de Chioji, Darui e Tenten a lutarem contra o inimigo. Destaque para Tenten que consegue apoderar-se da Bashousen, que pode conjurar os elementos da água, fogo, vento e trovão.

O trio Ino-Shika-Cho monta a estratégia para derrotar Azuma. A estraégia é muito bem concebida e só não dá resultado pela falta de coragem de Choji quando teria que dar o golpe final contra o seu antigo mestre. As viagens entre o passado e o presente continuam durante todo o episódio, que termina com Dan e Azuma a tentar ajudar os seus adversários a derrota-los. Apesar de estarem a ser contrulados por Kabuto, têm consciência do que estão a fazer e tentam dar o seu contributo para que possam ser derrotados.

 

Episódio 274

Choji continua hesitante e o episódio começa com mais uma investida falhada por parte do trio de Konoha em derrotar o seu mestre. A falta de concentração por parte de Choji permite que Azuma faça um novo ataque contra os três, que só não tem consequências mais graves pois Ino e Shikamaru conseguem reagir a tempo, com Ino a entrar na mente de Choji para tentar explicar-lhe da importância da sua colaboração no combate.

Neste episódio continuamos novamente entre o passado e presente no combate emocional de Choji em relação ao que se está a passar no campo de batalha. Novamente os momentos do passado focam-se na personalidade de Choji, mas também na relação que existe entre os clã Akimichi, Nara e Yamanaka, sendo que Choji é o 16º líder do primeiro clã. Estes últimos factos são explicados por Chouza depois da sua intervenção no combate em auxilio do seu filho. Assim ficamos a saber que a ligação entre estes clãs já dura muitas gerações, e que, tal como os seus pais, não é ao acaso que Ino, Shikamaru e Choji fazem parte da mesma equipa.

Com tudo isto, Choji  consegue finalmente superar a sua inabilidade e transformar toda a sua gentileza e bondade em poder. Como já tínhamos visto no passado, Choji transforma-se numa borboleta e fica com uma silhueta mais magra, com a diferença que desta vez não precisou da ajuda de comprimidos. O trio Ino-Shika-Cho ataca Azuma e não precisam de muito tempo para derrotar o seu antigo mestre, que fica contente por ver os progressos de Choji.

O episódio termina com a determinação de Choji em acabar com todos os inimigos no campo de batalha.