Decorreu hoje (ou ontem, se preferirem o fuso horário “oficial”) a edição de Inverno do maior festival de figuras no Japão: o Wonder Festival. Como habitual podem encontrar aqui no blogue uma selecção do melhor que foi apresentado (e, por vezes, quando estou bem disposta, do pior). Comecemos então pela Good Smile Company, Max Factory e companhias associadas.

Como ando um pouco desligada das séries da moda é natural que não conheça metade das coisas que aqui vão aparecendo. De qualquer maneira, vou tentando comentar sempre que for possível.

Começamos com a excelente Belldandy with Holybell da Max Factory, uma figura pertencente à série Aa Megami-sama. Não é propriamente uma novidade mas não deixa de ser espantosa. Gosto como se mantiveram fiéis ao design original arranjando mesmo assim forma de incorporar técnicas de escultura e pintura contemporâneas.

Não sei o que é mas promete, também:

Uma rapariga a andar de mota em cuecas:

Gosto da pose, podia ser terrivelmente aborrecida mas consegue ter qualquer coisa:

Esta também podia ser mais engraçada se tivesse mais qualquer coisa vestida:

Ora, aqui temos algo interessante!

E o muitíssimo aguardado Nendoroid da Hitagi Senjougahara!

Quem era esta, mesmo? Eu sei que no mundo “real” era a má que prendia a… outra, mas no mundo alternativo não me lembro mesmo do nome da personagem.

Nova figma da Strength (é ela, certo? A minha memória vai de mal a pior):

E temos também novidades do universo Macross com mais uma figura da popular Sheryl Nome, um Nendoroid da mesma e o anúncio de um Nendoroid da Ranka Lee. Quanto à figura à escala, está estupidamente bem esculpida e pintada e gosto daquele what-do-you-call-it atrás. O que me custa é o fato. Era incapaz de expôr algo assim – pelo menos enquanto morar com os meus pais.

Estou desejosa de ver as expressões alternativas de ambas. Close-up do Nendoroid:

Não compreendo porque é que se continuam a fazer figuras desta série. Mas enfim:

Idolm@ster?

A adorável Nia Teppelin da série de culto TTGL. Design extremamente simples, execução perfeita.

E, logo de seguida, três Hatsune Miku que me fazem questionar bastante a minha resolução de ter pouca coisa relacionada com Vocaloid (tirando a Miku Append, que ainda está na lista de desejos):

E esta maravilha:

Soube ontem que a Gift vai adoptar a Tomoe Mami esculpida pelo Toda Satoshi, revelando assim que a espectacular Homura Akemi não é um caso isolado. Aqui fica o protótipo já com retoques no rosto (felizmente!):

Espero que adicionem mais espadas posteriormente visto que o garage kit tem imensas. Assim fica bastante boa mas, quando comparada ao original… enfim. De qualquer maneira é uma compra mais que certa, eu sendo fã ávida do Toda Satoshi (embora me tenha visto obrigada a cancelar a Misaki Mei… tempos tristes).

Uma adorável Madoka em quimono:

Juntem-se a nós na segunda parte!